sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Eu sabia que esse dia ia chegar

Quando saía à noite e voltava a casa já quase de manhã, lembro-me de ficar sempre com uma espécie de remorsos e com pena das pessoas que via a irem trabalhar, enquanto eu estava a chegar de me divertir. Pensava sempre que deve ser terrível sair de casa tão cedo para o emprego, e ficava sempre com aquilo na ideia. Aliás, em algumas actividades da Faculdade, como o comboio do caloiro, eu chegava a casa e os meus pais já não estavam. E se saísse durante a semana, a probabilidade de chegar à hora a que a minha mãe se levanta, também era bastante.

Ontem, as coisas inverteram-se; eu era a "coitada" que ia trabalhar enquanto os outros vinham de se divertir. No início, não percebi muito bem o que andava tanta malta nova a fazer na rua às 6h30 da manhã, mas depois vi uma roulotte de cachorros e percebi que vinham da discoteca.

Ontem, chegou o meu dia de ser a "coitada" que vai trabalhar de madrugada.

Um comentário:

piccolina disse...

ahah esse dia também já chegou para mim. :)