terça-feira, 20 de setembro de 2011

Ontem

Ontem o dia começou com um telefonema de uma das minhas melhores amigas a dizer que a mãe estava no hospital e ia ser operada a um aneurisma. Toca a ir para lá, fazer-lhe companhia. Depois, ficar do lado de fora do hospital até à meia-noite, com o coração nas mãos à espera de notícias. Felizmente, correu tudo bem. Mas é em momentos como este que me levam a pensar como as coisas podem estar tão bem e de uma hora para a outra... Enfim. Agora é recuperar.

Nenhum comentário: