sábado, 4 de junho de 2011

Como a Eslovénia foi uma agradável surpresa

Quando decidi fazer Erasmus, a ideia era ir para Itália com a A. e com a M. Mais tarde, viemos a saber que existiam apenas duas vagas para Ravenna, e a M. acabou por ir para a Eslovénia. Em Maio, depois dos nossos exames, fomos visitá-la. Depois de oito horas muito conturbadas de comboio, lá chegamos a Ljubjana. Fomos sem muitas expectativas, mas acabou por ser uma semana óptima, onde conhecemos muita gente e visitámos a capital e uma das cidades mais importante. Comparativamente a Itália, a Eslovénia é um país muito mais pequeno e simples, e com pessoas completamente diferente. Mas gostámos muito. Estivemos em Ljubjana e em Bled, um paraíso natural, que me fez lembrar Lago de Como, em Milão.

Ljubjana









Em Ljubjana visitámos o Metelkova, um sítio de culto para muitos que visitam o país. Era um edifício destinado aos militares durante a Guerra na Jugoslávia, que depois foi ocupado por artistas.



Bled














Nenhum comentário: