sábado, 30 de abril de 2011

É bom ser turista na própria cidade

Na semana passada, o F., um italiano-japonês-san marinense, veio passar uns dias comigo e com a A. a Portugal. Ele foi nosso colega na faculdade em Itália e este ano está a fazer Erasmus em Santander, já aqui ao lado. Não lhe apeteceu ir passar a Páscoa a casa e toca a vir até Portugal. Esteve uns dias no Porto, outros em Lisboa, já que a A. estuda lá agora, e adorou. E nós também adorámos. É óptimo passar os dias a falar italiano, é bom ser turista na nossa própria cidade, é bom redescobrir lugares que já nem nos lembrávamos que existiam e, acima de tudo, é óptimo rever amigos que pensámos não ver tão cedo. E foi mesmo muito bom rever a A., que já não via há meses.

O Porto, como sempre, não desiludiu. Ele ficou foi a pensar que é uma cidade muito calma e sem ninguém, porque decidimos passear com ele na segunda-feira, 25 de Abril e, além de os Museus estarem todos fechados, as ruas estavam desertas. Excepção feita à "manifestação" dos Aliados.






Nenhum comentário: