sábado, 1 de maio de 2010

Nós e os gregos#4

Antes de responder ao desafio musical, venho só contar mais uma que se passou com os gregos, desta vez com a M.E., a última grega que conhecemos.

Ontem à noites estávamos cá em casa num jantar com as espanholas e ela. Ela perguntou-nos, assim do nada, se em Espanha e em Portugal havia pena de morte. Nós respondemos Claro que não há, e na Grécia também não, pois não? Ela, toda indignada, respondeu Não há, infelizmente, mas devia haver.
Desculpa?

5 comentários:

JL disse...

Enfim, são opiniões. O grave é que em despero de causa muitas pessoas começam a aderir a radicalismos não tão graves mas que saem da mesma linha ideológica de quem defende a pena de morte. Urge repensar os novos modelos de sociedade e de como os estados (não) defendem os cidadãos.

[Isto saiu demasiado político; foi sem intenção :)]

Beijinho.

pintas* disse...

São diferentes modos de pensar. Opiniões extremamente radicais mas que se forem bem exploradas podem ser mudadas.

Só tenho uma coisa a dizer....tens cada historia com os gregos...loool

zir disse...

LOL, deve andar revoltada com a vida ou qualquer coisa assim... Bem eu roubei o desafio daqui :b
Ah sabes, estou a ler um livro dele e estou a achar um bocado mau, secante... Enfim. Mas quero acabar, pode ser que me surpreenda. (:

Abby Richter disse...

lol, desde sempre que nunca gostei da Grécia e dos seus respectivos... nunca me engano, 'tá visto!

Girl in the Clouds disse...

Lol