sexta-feira, 16 de abril de 2010

Por favor, escolham uma das seguintes opções

Duomo, Milão

a) Estão a fazer Erasmus em Itália, cheios de saudades dos vossos pais;

b) A vossa mãe tem um medo terrível em andar de avião, recusa-se. Conseguem convencê-la a ela, e ao pai, a vir ver a menina;

c) O avião sai mais de uma hora atrasado.

d) O pai perde o cartão do cidadão no aeroporto de Porto, só se apercebendo de tal facto já no autocarro de Malpensa para Milano Centrale;

e) Tentam ligar para a TAP, mas não atendem;

f) Vão à Polícia. Explicam-vos que as companhias italianas permitem embarcar com a carta de condução, mas que cada companhia tem as suas regras;

g) Ligam para o aeroporto do Porto, transferem a chamada para a TAP. "Não se preocupe, em princípio não há problema."

h) Vão à bilheteira comprar os bilhetes para Ravenna. Perguntam à senhora qual é o próximo comboio para Ravenna, dos mais baratos. "Daqui a cinco minutos". Perguntam se a linha é muito longe, se dá tempo para apanhar esse. A senhora não percebe a questão. Perguntam, então, depois desse, o próximo comboio para Ravenna, mas barato. "Não tenho a tarde toda. Se quiser alugue um carro". Com toda a conversa, acabam por comprar um bilhete que vos faz chegar a Ravenna quase à meia-noite. Assim, o primeiro dia em Itália já se foi.

i) Decidem ir visitar Veneza no Domingo, para os vossos pais conhecerem uma das mais famosas cidades de Itália. Quando saem de casa, está a chover. Chegam a Veneza, um sol radioso. Nada melhor do que andar com guarda-chuvas o dia todo. Além disso, a grande atracção, a Catedral de São Marcos está fechada, é Domingo. 

j) Preparam tudo para a partida, na terça-feira. Tentam fazer o check-in online. "O nome do passageiro não corresponde a número do bilhete electrónico". Tentam vinte vezes. Voltam a tentar. 

k) Ligam para a Tap. Gastam 10 euros em telemóvel, mas pelo menos ficam a conhecer a bonita música que toca do outro lado. "Está aqui registado, não se preocupe". "Já agora, o meu pai pode embarcar com a carta de condução?" "Sim, não tem problema".

l) Vão ver os horários do comboio. Percebem que têm de apanhar o das 5h45 da manhã, para não haver riscos de chegar atrasados. O voo é às 14h15, com este comboio chegam a Milão às 10h40.

m) Chegam a Milão à hora prevista. Partem para Malpensa, uma hora de viagem. Entregam a identificação do vosso pai e a menina diz "Não pode embarcar com este documento". Tentámos explicar a situação, a Tap disse-nos que era possível. Explicam-nos que o que a companhia devia ter feito era ter colocado uma nota junto a bilhete electrónico do meu pai, para que não houvesse problema. Faz uns telefonemas, mas deixa passar.Entregam as malas, fazem um bocado de tempo.

n) À hora, vão para a zona de revistar os passageiros. Despedem-se dos vossos pais, mais lágrimas. Estão cerca de 200 pessoas para 8 portas. 

o) Os vossos pais correm para a porta de embarque. Vocês estão na parte de cima, a chorar, porque eles vão embora. Recebem uma chamada do vosso pai "Não nos deixam entrar!". Percebem que ainda faltam uns minutos para a partida, mas não deixam os vossos pais entrar. 

p) Por sorte, têm uma amiga que trabalha numa agência de viagens. Ela diz-vos qual o próximo voo da Tap. Entretanto, percebem que há um da EasyJet, para Lisboa, mais cedo. Apanham o autocarro para o Terminal 2. Mais de 200 euros, sem bagagens. Ligam outra vez para a vossa amiga, que vos diz que a Tap tem um representante em Malpensa. Dá-nos o número. Ligam 2 vezes, gastam 5 euros e ninguém atende, só ouvem música. Voltam ao terminal 1. A vossa amiga aconselha-vos a tentar perceber o que compensa mais: mudar o voo ou comprar outro. Chegam ao balcão da Sea, representante da Tap, que vos diz que alterações de voo, só a Tap. Explicam que já ligaram e ninguém atendeu. "Pois, toda a gente se queixa disso. Eu vou dar-lhe o número de Portugal, mas o mais provável é não conseguir nada.".

q) Ligam para a Tap, em Portugal. Estão quase meia hora a ouvir música. Gastam 20 euros e a única coisa que vos dizem é o nome a que corresponde o número do bilhete electrónico. Entretanto, o vosso telemóvel vai abaixo, porque ficaram sem saldo e não têm como o carregar.

r) Vão ao balcão da Sea. 400 euros para os dois. Mais do que a viagem que compraram de ida e volta.

s) Falam outra vez com a vossa amiga, que cobra comissões mais baixas, 385 euros para os dois. Problema: não temos como fazer a transferência. Ligam ao vosso primo, que está a trabalhar, mas vai a correr ao banco e faz a transferência. Temos viagem.

t) Fazemos o check-in. "Não pode embarcar com esse documento, não é válido". Mostrámos os comprovativos do check-in da manhã, onde a outra colega tinha colocado uma nota a dizer "Doc ok". A menina percebe que tínhamos malas. Diz-nos para ir buscar as malas, ainda estão em Milão. Antes tinham-nos dito que tinham seguido para o Porto. Vão buscar as malas, nova despedida, beijinhos, choro, os pais vão.

u) O voo não é directo para o Porto. Há que fazer transbordo. Chegam a Lisboa, fazem tudo direitinho, seguem para o Porto.

v) Chegam ao Porto, ligam à filha: "Perderam as malas".

x) Vão fazer a reclamação ao balcão. "Caso apareçam, querem que vos levem as malas a casa ou vêm cá buscar?". Claro que querem que vão para casa, além de quererem fazer uma reclamação. "Querem por carta, email ou telefone?" Telefone? Para ficar sem dinheiro? Não, obrigada.

z) A vossa amiga A. foi ter convosco a Milão e ficou desde manhã até às 19h na estação à vossa espera, para irem para o Hostel

Posto isto, seja qual for a opção que escolherem, ficam a saber que nenhuma delas isolada é boa, mas todas juntas é demasiado mau. E aconteceram-me todas em menos de uma semana.



9 comentários:

A miuda dos saltos altos disse...

OMG que viagem atribulada!

Kahkba disse...

Qe raio de azar ! Os teus pais, enquanto se lembrarem desta, nunca mais saem do Porto !
Mas no meio perdi.me: isto tudo por dois dias em Itália ? Ou ao menos passaram algum tempo de qualidade ? *

Elle disse...

Meu Deus -.-

E eu a pensar que era azarada!

Boa sorte Saskia querida : ) Há-de tudo correr melhor ^^

Beijinho

cacau disse...

bem que filme!! :s mas vê o lado positivo no meio disso tudo, deu para matar saudades :)

- c. disse...

Auuchhh. Bem, respira fundo e calma. É a única coisa que me ocorre dizer.

Beijinho.

SillyTalk disse...

Meu DEUS, isso é que foi azar.

Por favor diz-me que ao menos mataste saudades dos teus pais!

; )

Lady disse...

omg que viagem atribulada, adorei sem duvida o teu blog :D vou passar a acompanhar

Bjinhos :D

suddenly twenty disse...

:| que horror

Girl in the Clouds disse...

Que grande aventura!!