quinta-feira, 11 de março de 2010

Tiques e Manias (e How I Met Your Mother)

 How I Met Your Mother

Uma das coisas que mais gostamos de fazer quando estamos em casa, é ver "How I Met Your Mother". Esta série conta, tal como o nome indica, como o personagem principal, Ted Mosby, conheceu a mãe dos seus filhos. Vemos dois miúdos sentados num sofá a ouvir um homem mais velho, em 2030. 
Ao longo das já cinco temporadas, ninguém percebeu como é que o Ted conheceu a mãe dos seus filhos, já que este conta imensas peripécias que, segundo ele, fazem parte da história de como ele conheceu a sua esposa. 
Esta série assemelha-se, para alguns, com a série "Friends", já que também são cinco os amigos que, com mais ou menos relevância, marcam presença na vida de Ted. Vemos o dia-a-dia de Ted, Robin, Lily, Marshal e Barney.(sobre este personagem, ainda falarei).

Há dias, num dos episódios, diziam que podemos viver bem com os defeitos das pessoas, se não reparássemos neles. Por exemplo, a Lily fazia demasiado barulho a mastigar, o Marshal canta enquanto faz as coisas, o Ted corrige toda a gente e a Robin diz "literalmente" em todas as situações.
Neste episódio, tentaram mostrar que, enquanto só o Ted tinha reparado no defeito da Lily, todos viviam felizes. A partir do momento em que percebemos o defeito dessa pessoa, parece que o defeito é muito pior do que realmente é. Parece que, a partir desse momento, tudo o resto deixa de importar e só nos focamos no defeito das pessoas.

De facto, nunca tinha pensado nisso. Já vos ocorreu?

3 comentários:

Kahkba disse...

Adoro How I met your mother ! E adoro o Barney- qem não adora ?
Já me aconteceu começar a reparar nos defeitos de uma ou outra pessoa e passar a focar.me sempre neles. Acho qe depois passa, mas durante um tempo é bastante irritante, sobretudo se não tiveres suficiente à.vontade para o dizer em voz alta à pessoa em qestão .

cacau disse...

espero entrar na primeira opção, barcelona :) nunca vi essa série mas já tenho ouvido falar, mas agora só quando acabar a maratona da anatomia de grey :P quando à questão dos defeitos... penso que nós só fazemos realmente isso quando não simpatizamos muito com a pessoa, porque quando sentimos algum afecto/cumplicidade tendemos a idealizá-la o melhor possível e, mesmo que achemos que fez algo errado, pensamos "ok deve ser um dia mau" ou "é a primeira vez q acontece, não é nada típico" acho q é mais por aí x)

pintas* disse...

Eu vi esse episódio.
lool

Pois é, já me aconteceu começar a reparar demasiadamente nos defeitos de alguém levando-me a afastar-me.
lol